Outro lado da virada

by

Já que o assunto do último final de semana foi a Virada Cultural, vale a pena um derradeiro comentário sobre um outro lado da virada…uma virada furada. Você provavelmente já viu, ouviu e leu sobre o lixo e fedor que tomou conta das ruas durante a Virada, não é?

No sábado a noite tive uma visão estranha. A praça da República tomada por milhares pessoas, o som ao fundo de alguma música de rock. A minha intenção era atravessar a praça para chegar até o Largo do Arouche, mas não foi possível. A travessia foi uma verdadeira Odisséia, um empurra-empurra daqueles. Não havia mais divisão entre praça, calçada e asfalto. Infelizes daqueles que tentavam trafegar pelas ruas de carro. Pois enfim me deparei com tal visão. Mesmo com aquele mar de gente, de repente São Paulo pareceu uma cidade abandonada, vítima de um abandono repentino. Ônibus vazios enfileirados no meio da rua, no cruzamento com a República servindo como mictótio, de todos os lados,  o cheiro era forte e ruim, e muitos ainda subiam no teto do veículo… Só faltaram as janelas quebradas. Cenas escatológicas… uma visão de degradação.. . Não entendi também a falta de organização, afinal: porque aqueles ônibus estavam lá? Parados e abandonados? Será que não houve um sistema de horários e fechamento das ruas? Enquanto isso, uma sirene incansável tentava abrir espaço para um caminhão dos Bombeiros. No fim, todo esse trajeto me decepcionou e cansou. Esperava mais organização, limpeza e educação do pessoal. Claro que num evento deste tamanho, com tamanha aglomeração de pessoas,  certas coisas acabam sendo inevitáveis, mas, achei a do ano passado melhor, ao menos, mais convidativa! Público recorde, atrações recorde e lixo recorde. Até que ponto educação e cultura andam juntas?

Segue um link de uma reportagem becana feita pela Jovem Pan sobre o lixo que restou na cidade, e a outra é da Folha sobre o mal-cheiro e o colapso dos banheiros químicos :

Tags: , , , ,

Uma resposta to “Outro lado da virada”

  1. Daniela Says:

    Concordo plenamente, estive na República e felizmente fui embora antes da catástrife anunciada, depois das 00h00. Não adianta promover um evento uma vez por ano e achar isso basta, não basta, SP é abandonada, você tem toda a razão, e nenhum marketing (como é a Virada) vai conseguir resolver. Não foi só o lixo o problema, os shows de 20 minutos, as ruas com carro circulando, a falta de metrô e transporte público decente na cidade são outras…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: